Tamanho do texto

Caracas, 22 set (EFE).- O Governo da Venezuela condenou hoje de forma enérgica o brutal atentado terrorista do sábado contra o hotel Marriott em Islamabad, capital do Paquistão, que deixou 53 mortos e 266 feridos.

A Venezuela "se une ao luto dos parentes e pessoas próximas das vítimas, e expressa seu mais profundo sentimento de solidariedade para com o povo paquistanês nesta hora dolorosa", segundo um comunicado da Chancelaria.

O Governo do presidente Hugo Chávez expressou que faz "votos pela união e a concórdia do irmão povo paquistanês", assim como sua "esperança de que, mais cedo do que tarde, os paquistaneses encontrarão, de maneira autônoma, livre e soberana, o caminho da paz para o bem-estar e a prosperidade de todos". EFE gf/an