Venezuela autoriza extradição de francês suspeito de pedofilia

O Tribunal Supremo de Justiça (TSJ) da Venezuela autorizou, nesta quinta-feira, a extradição para a França de um cidadão francês, solicitada por suspeita de pedofilia, informou o TSJ em um comunicado.

AFP |

Leonide Guy Kameneff é suspeito de "violações de menores de 15 anos de idade, com abuso de autoridade, entre agosto de 1979 e 1992, na Martinica, no território nacional (francês) e no exterior", acrescenta o texto, que cita o expediente enviado pela França à Venezuela em janeiro de 2008.

Kameneff, que trabalhava em um navio-escola, foi denunciado por várias vítimas, hoje maiores de idade, às autoridades francesas, por "violações e agressões sexuais", segundo o comunicado.

De acordo com as vítimas, Kameneff "preconizava a abolição das barreiras entre os maiores e os menores de idade, a liberdade das trocas sexuais e a nudez".

O governo francês solicitou a extradição de Kameneff, por meio de sua representação diplomática em Caracas em 16 de janeiro de 2008.

pt/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG