Vendas no varejo registram queda recorde nos EUA

As vendas no varejo caíram acentuadamente no mês passado nos Estados Unidos, registrando a maior queda mensal desde 1992. Segundo o Departamento de Comércio, as vendas caíram 2,8% em outubro.

BBC Brasil |

Em setembro, a queda foi de 1,3%.

A queda registrada em outubro foi mais acentuada - de 5,5% - para o setor automobilístico, à medida que os consumidores evitaram as compras grandes.

No entanto, analistas afirmaram que as vendas do varejo, excluindo carros e combustível, caíram apenas 0,5%.

As vendas de móveis e outros acessórios para casa também tiveram queda de 2,5%, à medida que a desaceleração no setor imobiliário atingiu setores relacionados.

Concordata
A Circuit City, que vende eletrônicos, entrou com pedido de concordata.

Várias lojas americanas, incluindo Macy's e Best Buy, lançaram um alerta de que poderão ter lucros menores para o restante deste ano.

A maior loja de vendas a varejo do mundo, a Wal-Mart, contrariou as previsões ao registrar um aumento inesperado nas vendas de 2,4% em outubro.

A loja disse que uma série de ofertas atraiu consumidores em busca de barganhas.

Um outro relatório, divulgado pelo Departamento do Trabalho dos Estados Unidos, mostrou que os preços de produtos importados caiu 4,7% em outubro, devido, principalmente, a uma queda significativa no preço de combustíveis.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG