Veja os principais acontecimentos que devem marcar 2011 no mundo

Novo ano marca os 10 anos do 11 de Setembro e da invasão do Afeganistão e os 20 anos do colapso da União Soviética

| 16/12/2010 16:08

Compartilhar:

JANEIRO

- 3 de janeiro: Novo Congresso, com maioria da oposição republicana na Câmara de Representantes, assume nos EUA. Presidente dos EUA, Barack Obama, completa dois anos no cargo em 20 de janeiro.

- 5 de janeiro: Novo Congresso venezuelano, em que o presidente Hugo Chávez não terá maioria qualificada, assume na Venezuela.

- 9 de janeiro: Sudão, o maior país do continente africano, realiza referendo sobre a independência da região sul. Votação foi estipulada por acordo de paz de 2005 para pôr fim a uma das piores guerras civis da África.

- 11 de janeiro: Criador do site WikiLeaks, Julian Assange, comparece perante à Justiça britânica para mais uma audiência em seu processo de extradição para a Suécia para responder por supostos crimes sexuais. Ele está em liberdade condicional em Londres desde 16 de dezembro.

- 12 de janeiro: 1 ano do terremoto de 7 graus do Haiti, que deixou entre 250 mil e 300 mil mortos e 1,5 milhão de desabrigados.

- 16 de janeiro: Segundo turno das eleições presidenciais do Haiti entre o tecnocrata governista Jude Celestin e a ex-primeira-dama Mirland.

- 17 de janeiro: 20 anos do início da Guerra do Golfo, conflito lançado por coalizão liderada pelos EUA após negativa do então presidente iraquiano, Saddam Hussein, de retirar as tropas que invadiram o Kuwait em 2 de agosto de 1990. Conflito, que termina em 28 de fevereiro, foi o primeiro a ser transmitido ao vivo pela televisão para o mundo.

- 21 de janeiro: 30 anos da libertação de 52 reféns americanos presos na Embaixada dos EUA em Teerã por mais de 14 meses (444 dias).

- 23 de janeiro: Eleições presidenciais em Portugal.

FEVEREIRO

- 27 de fevereiro: 1 ano do terremoto de 8,8 graus do Chile, que deixou quase 500 mortos e mais de 2 milhões de desabrigados

MARÇO

- Sem data definida: Pela primeira vez, países da Unasul (União das Nações Sul-Americanas) devem compartilhar e tornar públicos seus gastos militares.

- 31 de março: Data estabelecida pelo presidente de Cuba, Raúl Castro, como prazo final para a demissão de mais de 500 mil funcionários estatais e para a abertura paralela de empregos privados em 178 atividades.

ABRIL

- 1º de abril: Cinco anos da prisão do ex-líder da Iugoslávia Slobodan Milosevic.

- 10 de abril: Eleições presidenciais e legislativas no Peru.

- Segunda metade de abril: Cuba realiza o Sexto Congresso do Partido Comunista. Evento, que não é realizado desde 1997, vai discutir os problemas econômicos da ilha. Também há especulações de que Fidel pode deixar o único cargo que ainda ocupa: o de presidente do Partido Comunista.

- 12 de abril: 50 anos desde que a União Soviética (URSS) conseguiu enviar o primeiro homem ao espaço, o que representou sua vitória sobre os EUA na corrida espacial. Yuri Gagarin se tornou um herói nacional. Em 5 de maio, o comandante Alan Shepard volta à Terra e é resgatado de sua cápsula da Mercury 3 no Atlântico após se tornar o primeiro americano no espaço. Vinte dias depois, presidente John F. Kennedy anuncia que EUA enviarão o primeiro homem à Lua. Em 6 de agosto, a URSS maravilha o mundo ao lançar em órbita, por um dia inteiro, o major Gherman Titov.

- 17 de abril: 40 anos da invasão da Baía dos Porcos. Com o apoio da Agência de Inteligência Americana, cerca de 1,5 mil exilados cubanos tentam atacar Cuba pela Baía dos Porcos para derrubar Fidel Castro, mas acabam derrotados pelas forças cubanas.

- 29 de abril: Príncipe William e Kate Middleton casam-se na Abadia de Westminster, Londres.

MAIO

- 5 de maio: Plebiscito sobre uma possível mudança do sistema eleitoral do Reino Unido.

- 13 de maio: 30 anos do ataque contra o papa João Paulo 2º. Pontífice foi atingido por quatro tiros disparados pelo turco Mehmet Ali Hagca.

JUNHO

- 25 de junho: Cinco anos do sequestro do soldado israelense Gilad Shalit. Ele foi capturado na Faixa de Gaza e é mantido como refém pelo Hamas.

- 22 de junho: 70 anos da invasão da União Soviética pelo ditador nazista alemão Adolf Hitler.

JULHO

- Sem data definida: Início da retirada americana do Afeganistão.

- 29 de julho: 30 anos do casamento do príncipe Charles e da princesa Diana.

SETEMBRO

- Sem data definida: Eleições presidenciais no Egito.

- 11 de setembro: 10 anos dos ataques terroristas do 11 de Setembro nos EUA, que deixaram quase 3 mil mortos em Nova York, Washington e Pensilvânia.

Foto: Getty Images

Avião bate contra torre do World Trade Center em 11 de Setembro de 2001

- 22 a 25 de setembro: Papa Bento 16 faz sua primeira visita oficial como chefe de Estado à Alemanha, seu país natal. Pontífice visitará Berlim, Freiburg e Erfurt.

OUTUBRO

- Sem data definida: Eleições presidenciais na Argentina.

- 7 de outubro: 10 anos da Guerra do Afeganistão, lançada por coalizão liderada pelos EUA em retaliação aos ataques do 11 de Setembro. Milícia islâmica do Taleban, que dava abrigo à rede terrorista Al-Qaeda, entrega seu último reduto em Kandahar em 7 de dezembro.

- 13 de outubro: 1 ano do resgate de 33 mineiros da jazida de San José, no Chile.

NOVEMBRO

- Sem data definida: Eleições presidenciais na Nicarágua.

DEZEMBRO

- Sem data definida: Eleições parlamentares na Rússia.

- 8 de dezembro: 20 anos do colapso da União Soviética (URSS). Nessa data, líderes da Rússia, Ucrânia e Bielo-Rússia dissolvem oficialmente a URSS e a substituem pela Commonwealth of Independent States (CIS). Mikhail Gorbachev renunciou em 25 de dezembro de 1991.

- 11 de dezembro: 70 anos desde que Alemanha e Itália declaram guerra contra os EUA durante a 2ª Guerra Mundial.

- 31 de dezembro: Retirada definitiva de todos os soldados dos EUA do Iraque.

    Notícias Relacionadas



    Previsão do Tempo

    Previsão Completa

     
    • Hoje
    • Amanhã

    INDICADORES ECONÔMICOS

    Câmbio

    moeda compra venda var. %

    Bolsa de Valores

    indice data ultimo var. %
    • Fonte: Thomson Reuters
    Ver de novo