Vazamento em usina nuclear francesa contamina pelo menos 100

Paris, 23 jul (EFE).- Pelo menos 100 trabalhadores da usina nuclear de Tricastin, no sudeste da França, ficaram ligeiramente contaminados hoje por radioelementos devido à fuga de pó radioativo de um encanamento ligado ao reator, que está parado para manutenção.

EFE |

Segundo a direção da usina, administrada pela companhia elétrica EDF, o encanamento foi aberto durante os trabalhos de manutenção e, em meio a essa tarefa, aconteceu um vazamento de pó radioativo.

No entanto, o não incidente prejudicou a "saúde das pessoas afetadas nem o meio ambiente", segundo um porta-voz.

Há investigações em curso para determinar as causas e, enquanto isso, o acesso ao edifício afetado foi suspenso.

Ao ressaltar que se trata de um incidente "sem gravidade", a usina propôs à Autoridade de Segurança Nuclear (ASN) que atribua para o ocorrido nível zero na escala internacional de acidentes nucleares que vai até sete.

Trata-se do segundo incidente que acontece no complexo nuclear de Tricastin em duas semanas.

O primeiro, ocorrido nas instalações de uma filial do grupo nuclear Areva, foi o derramamento de 74 quilos de urânio dissolvido em líquido que acabaram em várias correntes de água. EFE ao/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG