Vazamento da autópsia de Michael é falso, diz site

Los Angeles, 29 jun (EFE).- O vazamento do relatório da autópsia de Michael Jackson divulgado hoje por uma publicação do Reino Unido é completamente falso, segundo informou o site especializado em famosos TMZ.

EFE |

O portal se transformou em uma das fontes de informação de referência para seguir o desenrolar dos eventos relacionados à morte de Michael. Na quinta-feira passada, foi o primeiro veículo a divulgar o estado crítico e posterior falecimento do rei do pop.

Em uma breve notícia, o "TMZ" negou a veracidade do texto publicado pelo jornal londrino "The Sun" no qual havia detalhes sobre as condições nas quais ocorreu a morte do artista.

Segundo o "Sun", Michael Jackson pesava apenas 51 quilos e tinha medicamentos parcialmente dissolvidos no estômago. Além disso, ele estaria com várias costelas quebradas devido às tentativas de reanimação.

A matéria do jornal inglês também dizia que Jackson era quase um esqueleto, com diversas cicatrizes devido a cirurgias e que tinha ficado quase completamente careca, motivo pelo qual usaria uma peruca. EFE fmx/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG