Vaticano pede fim dos abusos na Índia, após ataques a igrejas

Cidade do Vaticano, 26 ago (EFE).- O Vaticano fez hoje uma chamada para que se coloque fim a todo abuso e se restabeleça um clima de diálogo e respeito, depois dos ataques contra um orfanato, e dezenas de casas e igrejas na Índia, que causaram a morte de pelo menos duas pessoas.

EFE |

Além disso, reprovou as ações de violência contra fiéis e instituições da Igreja Católica na Índia, que "prejudicam a dignidade e a liberdade das pessoas, e comprometem a convivência civil pacífica", segundo um comunicado.

O Vaticano fez também uma chamada "a todos para que, com senso de responsabilidade, se coloque fim a todo abuso e se restabeleça um clima de diálogo e respeito mútuo".

Além disso, a Santa Sé expressou sua solidariedade às igrejas locais e às congregações religiosas atigidas pelos atos violentos.

Um grupo de fundamentalistas hindus protagonizou ontem vários ataques, nos quais colocaram fogo em um orfanato, 40 casas e cerca de dez igrejas no estado indiano de Orissa. EFE cr/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG