não-violência - Mundo - iG" /

Vaticano pede colaboração aos hindus pela não-violência

Cidade do Vaticano, 28 out (EFE).- O Vaticano pediu hoje colaboração aos líderes hinduístas para promover a não-violência em mensagem enviada aos fiéis dessa religião por ocasião da tradicional festa de Diwali (festa das luzes), que este ano se celebra hoje, 28 de outubro.

EFE |

A mensagem, divulgada hoje pela Santa Sé e assinada pelo presidente do Pontifício Conselho para o Diálogo Inter-Religioso, cardeal Jean-Louis Tauran, leva o título "Cristãos e hindus: juntos pela não-violência".

No texto, o Vaticano explica que as religiões "são freqüentemente acusadas de serem responsáveis pelos males da sociedade e que isto não é assim", já que "mais propriamente, se instrumentaliza a religião para se cumprir tantas formas de violência".

Por isso, o Vaticano pede que "diante de tanta violência e injustiça, se contraponha a verdade e o amor" que predicam as religiões.

Incita os hinduístas a colaborar para divulgar a mensagem do "Ahimsa" (não-violência) do "pai da nação indiana", Mahatma Gandhi, que "sacrificou sua própria vida em rejeição a apoiar a violência".

"Nós, líderes religiosos estamos chamados a afirmar as verdades de nossas religiões e a atuar para impulsionar a não-violência entre nossos fiéis e apoiá-la com nossas ações", acrescenta a mensagem do Vaticano.

A mensagem acrescenta que "a não-violência é a única via para construir uma sociedade global com maior compaixão, mais justiça e mais atenção aos necessitados". EFE ccg/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG