Vaticano diz que cuidado excessivo com o corpo tiraniza

Cidade do Vaticano, 3 fev (EFE).- O cuidado com o corpo é algo sensato e louvável, desde que não seja excessivo, pois nesse caso diminui a liberdade do homem, que se torna escravo de seu corpo tirano, afirmou hoje o cardeal Paul Josef Cordes, presidente do Conselho Pontifício Cor Unum.

EFE |

Cordes, titular do órgão da Santa Sé encarregado das obras de caridade do papa, fez esta declaração durante a apresentação da mensagem de Bento XVI para a próxima quaresma, na qual o Pontífice pediu aos fiéis que resgatem o valor e o sentido do jejum.

Bento XVI ressaltou que nesta sociedade do bem-estar o jejum perdeu seu valor espiritual e se tornou, pelo contrário, uma medida terapêutica para o cuidado do próprio corpo.

Levando em conta essa referência do papa, o cardeal Cordes disse que "cuidar bem do próprio corpo" e "tratá-lo com cuidado não é mal visto e a todos nos parece uma coisa sensata e até elogiável".

Porém, ele disse que em nossos dias "esse desejo humano alcançou dimensões gigantescas".

O cardeal afirmou que, em 2006, só na Itália oito milhões de pessoas frequentaram esses "templos do bem-estar", onde foram gastos 15 bilhões de euros. E na Alemanha, acrescentou, o número de usuários chegou a 13,5 milhões, 16,5% da população.

Segundo Cordes, o cuidado ilimitado do corpo pode levar a seu enfraquecimento, ao passo que o desejo de bem-estar e prazer pode reduzir a liberdade do homem, que não conseguirá ficar à vontade com seu corpo, "já que este virará um tirano".

"As religiões estão a favor do cuidado com o corpo, mas sem que se torne uma idolatria", disse o cardeal, que, voltando ao jejum, encorajou os cristãos a se mirarem no Ramadã muçulmano e no budismo.

Para essas religiões, afirmou Cordes, o jejum representa uma "luta contra o poder da matéria sobre o homem". Para o cristão, no entanto, o jejum é "o recolhimento na profundeza da fé, onde se encontra Deus". EFE JL/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG