Vândalos picham suásticas em monumento em memória do Holocausto em Berlim

Berlim, 23 ago (EFE) - O monumento em memória do Holocausto em Berlim, situado no centro da capital alemã e erguido para lembrar os milhões de cidadãos judeus que foram assassinados pelo regime nazista, foi pichado hoje com suásticas.

EFE |

Um porta-voz policial informou à imprensa que desconhecidos desenharam hoje à tarde um total de 11 suásticas vermelhas e pretas em vários dos centenas de monólitos de concreto escuro que formam o memorial.

O agente acrescentou que o caso foi assumido pela Promotoria federal, que tentará investigar a identidade dos autores das pichações com o símbolo do Partido Nacional Socialista Alemão dos Trabalhadores (NSDAP), dirigido por Adolf Hitler.

Há uma semana, o monumento em lembrança às vítimas homossexuais do nazismo, situado a poucos metros do memorial do Holocausto, também foi alvo de um ataque.

Os vândalos quebraram a janela de vidro que protege uma tela de vídeo na qual vê-se dois homens se beijando.

Essa agressão provocou uma onda de indignação e críticas por parte dos diferentes coletivos de vítimas do nazismo, desde judeus e homossexuais a membros destacados dos Sinti e Roma, como os ciganos são conhecidos na Alemanha. EFE jcb/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG