Uruguai registra 1º caso suspeito de gripe suína

Montevidéu, 28 abr (EFE).- Um uruguaio que visitou o México recentemente é o primeiro caso suspeito de gripe suína no Uruguai, e estão sendo realizados estudos para confirmar ou descartar a possibilidade, informou hoje o diretor nacional de Saúde, Jorge Basso.

EFE |

A identidade da pessoa é mantida em sigilo, mas foi informado que chegou no domingo passado a Montevidéu e, após apresentar alguns dos sintomas da gripe suína, foi isolada em casa.

Atualmente são feitos exames para determinar o tipo de gripe, disse Basso à imprensa local.

As autoridades sanitárias uruguaias estão em contato permanente com as da Organização Pan-americana da Saúde (OPS).

O Uruguai poderá contar a partir de hoje com reativos enviados pela OPS que permitirão um diagnóstico mais rápido e preciso sobre os casos suspeitos.

Os funcionários que trabalham no aeroporto internacional de Carrasco serão vacinados contra a gripe, medida aconselhada anualmente pelo Ministério da Saúde Pública antes do inverno para crianças, idosos e pessoas com problemas respiratórios.

Devido à gripe suína, o ministério aconselhou que o pessoal do aeroporto se imunize, mas destacou que não há vacinas contra este tipo específico da doença.

O Uruguai não tem voos diretos com o México, mas vários com escalas prévias em cidades da América do Sul.

Na segunda-feira, o Ministério da Saúde Pública ativou um plano de contingência sanitária no aeroporto e no porto de Montevidéu, com reforço dos controles. EFE jf/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG