Uruguai descarta 3 casos suspeitos de gripe suína

Montevidéu, 3 mai (EFE).- Os três casos suspeitos de contágio da gripe suína que até agora foram analisados no Uruguai deram resultado negativo, informou hoje a ministra da Saúde Pública uruguaia, María Julia Muñoz.

EFE |

Os casos em questão eram de duas mulheres, uma dela de origem mexicana, e de um homem, que recentemente chegaram a Montevidéu após visitar o México.

Os três apresentaram febre e sintomas de gripe, mas era uma gripe sazonal, bastante frequente no Uruguai nesta época do ano.

Simultaneamente, as autoridades uruguaias mantêm contato com 181 pessoas que nos últimos dias chegaram ao país procedentes do México, disse o diretor de Saúde de Fronteira, Mario Villar.

Nos controles sanitários colocados no aeroporto de Montevidéu, esses pessoas tiveram que informar dados e há um acompanhamento sanitário delas, levando em conta que o vírus da gripe suína pode levar até dez dias para aparecer.

Os controles sanitários incluem também os portos uruguaios. Em um deles, uma embarcação proveniente do México teve que ficar de quarentena e seus tripulantes foram observados por um médico antes de permitir que atracasse no porto de Nueva Palmira, acrescentou o funcionário. EFE jf/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG