É hora da paz definitiva na Colômbia - Mundo - iG" /

Uribe: É hora da paz definitiva na Colômbia

Bogotá, 20 jul (EFE).- O presidente colombiano, Álvaro Uribe, disse hoje que já é hora da paz definitiva, e lembrou às Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) que as reformas que a guerrilha pedia para deixar as armas já foram cumpridas, e que o Governo persistirá com os esforços para exterminar o terrorismo e libertar todos os reféns.

EFE |

"Por que não se faz a paz definitiva?", perguntou Uribe, em discurso pronunciado ao instalar uma nova legislatura.

"O Governo tem toda a vontade", garantiu.

Segundo Uribe, os rebeldes haviam posto como condição para deixar as armas o desmonte do "paramilitarismo", que afirmou já ter sido realizado no Colômbia.

Uribe afirmou que o termo "paramilitar" surgiu para denominar os grupos criminosos particulares cujo objetivo era combater a guerrilha, mas que agora o Estado recuperou o monopólio do combate ao crime.

"Os delinqüentes de diferentes denominações hoje são cúmplices unidos no crime, e não antagonistas", afirmou.

Uribe, que durante a manhã esteve na cidade colombiana de Leticia, na fronteira com o Brasil, em companhia de Luiz Inácio Lula da Silva e do presidente do Peru, Alan García, nos atos de celebração do Dia da Independência da Colômbia, assegurou que "nada repara totalmente a dor ou os danos causados pela violência".

"Cada vitória sobre o terrorismo é uma vitória da liberdade. A Colômbia pode olhar hoje o mundo com a cabeça em pé, e dizer: 'Aqui avançamos frente aos violentos, e saboreamos a liberdade que nos queriam arrebatar", afirmou. EFE ocm/gs

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG