Uribe leva a Unasul mensagem de apoio à democracia na Bolívia

Bogotá, 13 set (EFE).- O presidente colombiano, Álvaro Uribe, disse que levará uma mensagem de apoio à democracia na Bolívia, para a reunião da União de Nações Sul-americanas (Unasul), que na segunda-feira analisa no Chile a situação política desse país.

EFE |

"Será uma mensagem de prudência, de apoio à institucionalidade democrática, e de manifestar uma preocupação para que o povo irmão boliviano possa superar de maneira constitucional as atuais dificuldades", disse Uribe ao concluir um conselho de Governo.

"Prudência foi a norma da Colômbia nesta matéria", especificou Uribe a jornalistas e lembrou que recebeu (neste sábado), uma ligação telefônica de sua colega chilena e presidente da Unasul, Michelle Bachelet, para convidá-lo à cúpula em Santiago do Chile.

A Unasul é integrada por Brasil, Argentina, Bolívia, Colômbia, Chile, Equador, Guiana, Peru, Paraguai, Suriname, Uruguai e Venezuela. EFE ocm/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG