virtualmente por causa da gripe - Mundo - iG" /

Uribe governará virtualmente por causa da gripe

Bogotá, 31 ago (EFE).- O presidente colombiano, Álvaro Uribe, que está com a nova gripe, governará virtualmente, pelo menos durante o dia de hoje, através do telefone e da internet, informaram hoje fontes da Casa de Governo.

EFE |

Inclusive, estuda-se que, se estiver se sentindo bem, Uribe - que está recluso na residência presidencial desde sábado à noite - participe através de videoconferência do conselho de ministros previsto para hoje, segundo as mesmas fontes.

O médico pessoal do presidente, Gonzalo Aristizábal, disse hoje à imprensa local que Uribe está "em plena recuperação" e que, na sua opinião, "em até dois dias já deve estar tranquilamente atendendo suas funções".

A Presidência colombiana, em comunicado oficial, confirmou no domingo o resultado positivo do exame para a nova gripe feito no presidente pelo Instituto Nacional de Saúde.

Uribe começou a se sentir mal ao retornar na sexta-feira da cúpula presidencial da União de Nações Sul-americanas (Unasul), realizada em Bariloche (Argentina), e, quando chegou a Bogotá, estava com febre.

"Desde sábado à noite não voltou a ter febre", disse hoje o médico, afirmando que recomendou a Uribe "repouso" e uma dieta com "muito líquido".

O Governo colombiano informou sobre a doença do líder através dos canais diplomáticos aos que participaram da cúpula da Unasul e a todas as pessoas que mantiveram contato estreito com ele nos últimos dias.

Esse é o caso do ministro de Assuntos Exteriores colombiano, Jaime Bermúdez, que teve que cancelar todos os atos previstos para hoje em Pequim, a primeira etapa de sua viagem asiática, à espera do exame médico que fez para saber se está com a nova gripe.

Uribe viajou à cúpula da Unasul acompanhado de Bermúdez, do ministro da Defesa, Gabriel Silva, e do comandante das Forças Militares da Colômbia, o general Freddy Padilla, que também estão sendo avaliados pelos médicos, assim como cerca de 20 colaboradores do líder.

Na Colômbia, foram confirmados até agora 621 contágios da nova gripe incluindo 34 mortes, de acordo com os mais recentes dados do Ministério de Proteção Social. EFE mb/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG