Uribe diz que procurará Lula para agradecer por apoio

Bogotá, 3 fev (EFE).- O chefe de Estado colombiano, Álvaro Uribe, anunciou nesta terça-feira que logo no início desta quarta entrará em contato com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva para agradecer pelo apoio na missão de recuperação dos reféns das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

EFE |

"Ligarei para o presidente Lula amanhã de manhã", disse Uribe após o retorno de Alan Jara, o quinto libertado dos seis reféns que a guerrilha prometeu soltar.

Jara foi entregue hoje nas selvas de Guaviare, no sudeste do país, a uma missão liderada pela congressista opositora Piedad Córdoba e coordenada pelo Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV).

A operação contou com o apoio logístico do Governo brasileiro, que cedeu dois helicópteros que no domingo passado recolheram no sudoeste do país os primeiros quatro reféns, e que na quinta-feira receberá o último cativo.

"Expresso a gratidão à senadora Piedad Córdoba, à Cruz Vermelha Internacional, ao Governo do Brasil e ao presidente Lula", disse Uribe durante um encontro com a imprensa em Villavicencio, aonde viajou para visitar Jará em sua casa. EFE jgh/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG