Pelo menos 40 pessoas que tinham se refugiado numa escola administrada pela ONMU no norte da Faixa de Gaza foram mortas nesta terça-feira em um bombardeio israelense, anunciou uma fonte médica, ampliando o saldo divulgado anteriormente.

my-mel/lm/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.