A OTAN manifestou nesta quarta-feira preocupação com a possível mobilização de mísseis russos na região de Kaliningrado, declarou à AFP um porta-voz da Aliança Atlântica.

pm/mar/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.