Tamanho do texto

O Escritório de Investigação e Análise francês (BEA), responsável pela investigação oficial sobre o desaparecimento do Airbus 330 da Air France, afirmou nesta quarta-feira que nenhum elemento leva a pensar que o avião tinha um problema antes da decolagem do Rio de Janeiro.

clp-sj/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.