Um dirigente de Hamas exilado em Damasco, Musa Abu Marzuk, anunciou neste domingo que a organização manterá um cessar-fogo e pediu a Israel que retire suas forças do território palestino antes de uma semana, em uma mensagem divulgada pela TV síria.

rm/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.