O movimento islamita palestino Hamas acusou nesta segunda-feira o presidente francês, Nicolas Sarkozy, de total parcialidade em favor de Israel por tê-lo acusado minutos antes, em Ramallah (Cisjordânia), de agir de forma irresponsável e imperdoável.

ezz/app/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.