O presidente da Bolívia, Evo Morales, e os governadores oposicionistas de quatro das nove regiões bolivianas encerraram neste domingo uma reunião de quase dez horas de duração sem ter chegado a qualquer acordo ou conclusão para pacificar o país, além de sequer definir uma data para um novo encontro, informou o ministro de Desenvolvimento Rural, Carlos Romero.

rb/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.