O presidente da Bolívia, Evo Morales, denunciou neste domingo um golpe de Estado militar em Honduras contra o presidente Manuel Zelaya, e conclamou a comunidade internacional e movimentos sociais a condenarem esta aventura antidemocrática.

jac/pz/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.