Os Estados Unidos vão suspender a partir desta quarta-feira seu serviço de concessão de vistos em Honduras, com exceção de casos emergenciais, para favorecer uma saída negociada para a crise, depois do golpe de Estado que depôs o presidente Manuel Zelaya, anunciou o Departamento de Estado.

jz/cd/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.