Unicef mostra preocupação com casamento de criança na A.Saudita

Nações Unidas, 13 abr (EFE).- O Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) expressou hoje sua preocupação com a decisão dos tribunais da Arábia Saudita de não anular o casamento de uma menina de 8 anos.

EFE |

Segundo a diretora-executiva do órgão, Ann Veneman, o caso configura uma violação dos direitos da menor.

"Não importam as circunstâncias, o casamento de um menor é uma violação de direitos humanos", disse em comunicado.

Veneman lembrou que o direito a um casamento livre e consentido "está presente na Declaração Universal dos Direitos Humanos".

"Este consentimento não pode ser completo e livre quando uma das partes do casamento é jovem demais para tomar uma decisão consciente", disse.

A diretora-executiva do Unicef pediu o fim dos casamentos de menores de idade devido às suas consequências a longo prazo.

"Estes casamentos podem resultar em um dano emocional, físico e psicológico na criança", concluiu. EFE emm/plc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG