Unicef alerta sobre excesso de treinos para atletas adolescentes

Genebra, 8 ago (EFE).- O Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef, em inglês) se mostrou hoje preocupado com as conseqüências negativas que as longas horas de treinamento podem representar para os atletas menores de idade que disputarão os Jogos Olímpicos.

EFE |

"Os fortes treinamentos não são saudáveis nem fazem bem a uma criança", afirmou em coletiva de imprensa a porta-voz do Unicef, Veronique Taveau.

A porta-voz tinha sido questionada sobre a possível presença de menores nos Jogos Olímpicos e as conseqüências que isso poderia representar a elas.

Taveau esclareceu que não falava de nenhum caso em particular e se limitou a explicar que não se trata de quantas horas um menor se dedica ao treino, mas "das que perde" enquanto treina e não estuda.

EFE mh/ev/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG