feminino em Ruanda - Mundo - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

União Interparlamentar aplaude Parlamento feminino em Ruanda

Kigali, 18 set (EFE).- A União Interparlamentar (IPU) aplaudiu hoje a escolha em Ruanda, pela primeira vez na história, de um Parlamento com as mulheres como maioria (55%), segundo um comunicado de seu secretário-geral, Anders Johnsson.

EFE |

Para Johnsson, segundo a nota emitida hoje a Kigali, este é um "resultado histórico", já que, "pela primeira vez, um Parlamento nacional eleito tem maioria de mulheres", com pelo menos 55%.

A nota da IPU, que tem sua sede em Genebra, acrescenta que os resultados melhoram os 48% de mulheres que tinha o anterior Parlamento ruandês, assim como 47% da Suécia, 43,2% de Cuba, 41,5% da Finlândia e 40% da Argentina.

Nas eleições que terminaram hoje, Ruanda elegeu o primeiro Congresso do mundo com maioria de mulheres, no qual terão pelo menos 44 dos 80 cadeiras (55,4%), segundo os dados divulgados hoje pela Comissão Nacional Eleitoral (CNE). EFE pa/rr

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG