Unesco pede proteção de obras de arte no Haiti

Madri, 25 jan (EFE).- A subdiretora geral de Cultura da Unesco, Françoise Rivière, fez hoje um apelo internacional para proteger o patrimônio cultural do Haiti contra a pilhagem e propôs um embargo temporário à compra e venda das obras de arte do país, após o terremoto que devastou o país no dia 12 de janeiro.

EFE |

Rivière lançou a iniciativa na homenagem prestada hoje em Madri ao Comitê Internacional para o Salvamento dos Tesouros de Arte Espanhóis, organismo no qual se uniram 1939 os principais museus europeus e o Metropolitan Museum de Nova York para salvar dos bombardeios da Guerra Civil centenas de obras, que iam para o exterior.

Inspirando-se nessa ideia, Rivière pediu aos principais museus do mundo para preservar o patrimônio haitiano, protegendo as obras de arte. EFE nl-mtf/sa

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG