Unasul quer que Brasil apresente detalhes de acordo militar com os EUA

Quito, 9 abr (EFE).- O Conselho de Defesa da União de Nações Sul-americanas (Unasul) espera que o Governo do Brasil envie um relato sobre as negociações que realiza com os Estados Unidos sobre um convênio militar, que deve ser assinado na próxima segunda-feira.

EFE |

O ministro de Defesa do Equador, Javier Ponce, que preside de forma temporária o Conselho, fez o pedido em entrevista coletiva na qual avaliou uma reunião de delegados da União sobre procedimentos para aplicar Medidas de Confiança e Segurança na região.

Ponce indicou que o Conselho de Defesa conhece as negociações entre Brasília e Washington e destacou que os integrantes do organismo regional vão "respeitar as decisões que cada país tomar".

No entanto, afirmou que "evidentemente" confia que o "Brasil vai levar os conteúdos do acordo ao Conselho de Defesa, se é que o acordo chegará a ser assinado".

"Sabemos da existência dessa negociação, mas necessitamos que o Brasil a apresente oficialmente" ao Conselho, reiterou Ponce, que não quis se referir à possibilidade de o acordo militar incluir o uso de uma base militar por soldados americanos, como foi especulado por veículos de imprensa internacionais.

Washington informou que Brasil e EUA assinarão na segunda-feira um acordo de para facilitar os contatos entre militares dos dois países e compra de equipamento.

O pacto não incluirá o uso por parte das Forças Armadas dos Estados Unidos de bases militares do Brasil, segundo fontes diplomáticas ligadas ao Governo Lula. EFE fa/fm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG