Unasul ocupará lugar da CAN nas negociações com UE, prevê Evo Morales

O presidente boliviano, Evo Morales, comentou nesta quarta-feira que, após a aprovação de seu estatuto constitutivo no Brasil, a Unasul poderá ocupar o lugar da Comunidade Andina de Nações (CAN), nas negociações comerciais com a União Européia.

AFP |

Na Cúpula da União de Nações Sul-Americanas, "vamos aprovar o estatuto constitutivo, o documento que constitui a Unasul (...) em pouco tempo as negociações serão entre a Unasul e a União Européia, e não com a Comunidade Andina", afirmou o presidente.

Morales, que ocupa a presidência pro tempore da entidade sul-americana, lembrou que os países europeus destacam que o processo de integração tenha avançado em pouco tempo, após a I Cúpula realizada em Cuzco, no Peru, em dezembro de 2004, e a II Cúpula em Cochabamba, Bolívia, em dezembro de 2006.

O presidente boliviano confirmou sua presença no encontro em Brasília.

A Unasul é formada por Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai e Venezuela; e a CAN, por Bolívia, Colômbia, Equador e Peru.

jac/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG