Beirute, 15 fev (EFE).- Pelo menos uma pessoa morreu e outras 50 ficaram feridas em vários incidentes ocorridos neste sábado no Líbano, durante a comemoração do quarto aniversário do assassinato do ex-primeiro-ministro Rafik Hariri, informaram hoje fontes de segurança.

As fontes explicaram à Agência Efe que Lufti Zeinedin, que tinha ficado ferido gravemente ontem no setor oeste de Beirute, morreu hoje em um hospital da capital.

Os distúrbios aconteceram em Beirute e em outras regiões do Líbano quando os participantes se dirigiam para os locais das celebrações ou quando retornavam a suas casas.

O grupo xiita Hisbolá, líder da oposição, negou as acusações que o apontam como responsável pelas desordens.

"Não temos nenhuma ligação com o que aconteceu e as informações a respeito são falsas ", afirmou o grupo xiita em comunicado. EFE ks/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.