Um morto e dezenas estão isolados em inundações na ilha grega de Eubea

Atenas, 12 set (EFE).- O forte temporal que castiga a parte sudeste da Grécia há 20 horas, especialmente a ilha de Eubea, causou uma morte e deixou dezenas de pessoas isoladas pelas águas, informaram hoje as autoridades.

EFE |

A vítima mortal foi um policial cujo carro foi arrastado pelo transbordamento de um rio em Eubea, 150 quilômetros ao nordeste de Atenas, na estrada entre Jalkida e Kimis, segundo informou a Polícia.

O vice-prefeito de Eubea, Gianis Adam, declarou hoje a Efe que "a situação é trágica. Temos a cidadãos que subiram nos telhados para escapar da água".

Acrescentou que "a ilha ficou dividida em dois e os problemas se concentram principalmente na parte central".

Parte das atuais inundações em Eubea são consequência da erosão do terreno, após os devastadores incêndios que arrasaram a ilha durante o verão de 2007 e agosto passado, assinalou Adam.

O chefe dos bombeiros na Grécia central, Gianis Floros, informou que dezenas de cidadãos solicitaram ajuda e confirmou que esta manhã um turista foi resgatado após ser apanhado dentro de seu carro pelas águas.

O prefeito de Amarynthos, uma das cinco Prefeituras afetadas, Panos Mikhail, declarou ao canal estatal "NET" que "muitas casas foram inundadas e estamos fazendo o possível para garantir assistência aos concidadãos".

Os habitantes da localidade de Burchi, próxima à costa, disseram a meios de comunicação locais que devido à chuva torrencial a água subiu um metro e meio e foram obrigados a descer a praia para se salvarem.

O serviço meteorológico anunciou que a intensidade da chuva vai diminuir hoje durante a tarde. EFE afb-jk/fk

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG