Um dirigente do Fatah ferido em explosão num campo de refugiados no Líbano

Um dirigente militar do Fatah, o partido do presidente da Autoridade Palestina, Mahmud Abbas, foi ferido nesta terça-feira em uma explosão num campo de refugiados de Ain Heloué, sul do Líbano, ao contrário do informado anteriormente por uma fonte palestina.

AFP |

Mahmud al-Asmar ficou ferido na explosão de uma bomba acionada à distância e colocada perto da sede do Fatah em Ain Heloué, informaram as fontes de segurança.

"Al-Asmar se encontra estável e foi operado nas pernas. Também será operado nos olhos", informou um médico dos serviços de emergência locais.

Segundo outra fonte, este atentado é uma resposta ao assassinato de Chehadé Jawhar, um dos dirigenes do pequeno grupo islamita Jund al-Cham, morto em conseqüência de seus ferimentos quando foi atingido por disparos numa briga com membros da Resistência Armada, a polícia do campo.

mz-ram/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG