Último registro de atentado suicida no Paquistão indica 53 mortos e 266 feridos

O atentado suicida contra o hotel Marriott de Islamabad deixou 53 mortos e 266 feridos, segundo o último registro anunciado aos jornalistas pelo assessor do ministro do Interior, Rehman Malik.

AFP |

"Lamento anunciar que 53 pessoas morreram e 266 ficaram feridas", disse Malik, acrescentando que "os agressores utilizaram 600 quilos de explosivos".

Um caminhão de carga utilizado geralmente para transportar pedras foi usado nesse atentado, acrescentou.

"O alvo do agressor foi o hotel Marriott. Utilizaram explosivos de grande qualidade dos tipos RDX e TNT", explicou.

No entanto, várias autoridades dos serviços de segurança indicaram à AFP desde sábado à noite que já haviam sido contados pelo menos 60 mortos, incluindo um norte-americano e outro estrangeiro, cuja nacionalidade não foi revelada.

Praga anunciou também que o embaixador da República Tcheca no Paquistão morreu no atentado; a Dinamarca, que um de seus diplomatas estava desaparecido.

sz/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG