Último colocado em eleições iranianas incita novos protestos

Teerã, 22 jun (EFE).- O clérigo reformista Mehdi Karroubi, um dos candidatos derrotados nas eleições de 12 de junho, pediu hoje ao povo iraniano para manter os protestos e honrar os mortos com novas manifestações em Teerã.

EFE |

"Convido todos os cidadãos a participar em uma cerimônia pelos mártires dos últimos dias, cuja data, local e hora serão anunciados em breve", afirmou em comunicado postado no site "Etemad Melli".

O religioso criticou ainda o regime e pediu que os detidos fossem libertados e que fossem levantadas as restrições à imprensa.

Karroubi também pediu o restabelecimento do serviço normal de telefonia para que a população possa expressar suas opiniões com liberdade.

O clérigo ficou em quarto e último lugar nas eleições presidenciais de 12 de junho, com só 0,8% dos votos, apesar de nos pleitos anteriores, de 2005, ter conquistado mais de cinco milhões de votos.

Desde que foram divulgados os resultados eleitorais, considerados fraudulentos pela oposição, o Irã é palco de protestos e distúrbios e mais de 20 pessoas já morreram, segundo números oficiais. EFE jm/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG