Em breve, a União Européia (UE) revisará para baixo as previsões de crescimento do bloco para 2009, anunciou o comissário europeu para Assuntos Econômicos, Joaquín Almunia, nesta quinta-feira, em Paris.

"Vamos atualizar nossos números dentro de três semanas. Até o momento, a única coisas que posso dizer é que nossas previsões de há um mês e meio para 2009 ficaram velhas", disse Almunia aos jornalistas, antes de uma reunião informal de ministros das Finanças e de Economia da UE em Paris.

"As informações recebidas nas últimas semanas nos orientam para resultados um pouco mais negativos do que os estimados em 3 de novembro", declarou, em francês.

A Comissão Européia estimou, em novembro, que o crescimento da UE em seu conjunto alcançaria 0,2% em 2009, após registrar 1,4% em 2008, e 1,1% em 2010.

Para a Zona Euro, essas mesmas previsões estabeleciam uma recessão em 2008, devido à crise financeira, com um retrocesso do Produto Interno Bruto (PIB) nos três últimos trimestres e um crescimento quase nulo em 2009.

ito-og/tt/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.