UE reclama US$ 87 milhões de restituição por plantação indevida de vinhedos

A Comissão Européia reclamou nesta terça-feira a restituição de 55 milhões de euros (87 milhões de dólares) de fundos agrícolas da União Européia indevidamente utilizados na plantação não-autorizada de vinhedos.

AFP |

"República Tcheca, Dinamarca, Alemanha, Irlanda, Espanha, França, Itália, Luxemburgo, Holanda, Áustria e Portugal deverão devolver somas referentes aos fundos da PAC (Política Agrícola Comum)", afirmou a Comissão em um comunicado.

A restituição de maior volume diz respeito à Espanha, que deverá devolver 54,9 milhões de euros pela plantação não-autorizada de vinhedos entre 2003 e 2004.

mar/js/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG