UE pede que companhia aérea iemenita compareça para informar do acidente

Bruxelas, 1 jul (EFE).- A Comissão Europeia (órgão executivo da União Europeia) solicitou hoje à companhia aérea Yemenia Airway, que operava o avião que caiu na segunda-feira (hora de Brasília) no Oceano Índico com 153 pessoas a bordo, que compareça amanhã em Bruxelas ao comitê europeu de segurança aérea, para detalhar o ocorrido, informaram fontes europeias.

EFE |

O comissário dos Transportes da União Europeia (UE), Antonio Tajani, enviou uma carta à companhia na qual solicita o comparecimento urgente e requer que, em qualquer caso, deem informação sobre os fatos antes do próximo dia 10.

"A falta de envio de informação adequada levará a Comissão a tomar as medidas oportunas", adverte a carta, à qual a Agência Efe teve acesso, e que também acrescenta que se poderia optar pela proibição das operações da companhia na UE.

O Executivo da UE poderia decidir, em consequência, atualizar sua lista negra de companhias pouco seguras para incluir a Yemenia Airway.

Tajani também oferece à companhia a possibilidade de realizar o encontro em outro momento, caso seja impossível comparecer à reunião de amanhã.

A Comissão não esconde que o objetivo da reunião é avaliar se a companhia aérea cumpre os requisitos necessários de segurança para poder continuar operando em território comunitário.

Neste contexto, pede que a Yemenia envie toda a informação relacionada ao acidente, assim como uma atualização sobre as melhorias adotadas em matéria de manutenção e eliminação dos defeitos detectados no passado.

A Comissão sugere à companhia aérea que ofereça os resultados de qualquer auditoria que tenha avaliado o início dessas melhoras.

Por último, pede que relate sobre qualquer restrição operacional que tenha sido imposta à frota da Yemenia pela Organização Internacional da Aviação Civil (Icao).

Por enquanto, a companhia aérea não confirmou presença nem o recebimento da carta, segundo fontes europeias. EFE mrn/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG