UE pede mais tempo para mediação de Arias em crise de Honduras

BUENOS AIRES (Reuters) - A comissária de Relações Exteriores da União Europeia (UE), Benita Ferrero-Waldner, pediu nesta segunda-feira mais tempo para a fracassada mediação do presidente da Costa Rica, Óscar Arias, que buscou colocar fim à crise institucional de Honduras. É importante permitir um pouco mais de tempo porque estas mediações são difíceis, disse Ferrero-Waldner a jornalistas em Buenos Aires.

Reuters |

"Tem de haver um tipo de facilitação, um tipo de mediação como tem feito até agora o presidente Óscar Arias", acrescentou.

A crise institucional hondurenha foi desatada por um golpe de Estado que destituiu em junho o presidente Manuel Zelaya. As negociações entre o presidente deposto e o governo interino de Honduras, lideradas por Arias, entraram em colapso no domingo.

(Reportagem de Karina Grazina)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG