UE pede ao Irã que investigue eleições presidenciais

Os ministros das Relações Exteriores da UE pediram nesta segunda-feira ao Irã que investigue o processo eleitoral que levou à reeleição do presidente Mahmud Ahmadinejad e lamentaram o uso da força contra manifestantes pacíficos, que questionavam o resultados.

AFP |

Os ministros reunidos em Luxemburgo tomaram nota dos resultados anunciados pela comissão eleitoral iraniana e das preocupações sobre o desenvolvimento das eleições, segundo uma declaração conjunta.

O candidato presidencial Mir Hosein Mussavi, conservador moderado, afirma que a eleição de sexta-feira, que resultou em uma vitória esmagadora no primeiro turno do atual presidente do ultraconservador Ahmadinejad, foi marcada por graves irregularidades.

aet-pcl/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG