UE diz que a Sérvia pode ser candidata à adesão ao bloco a partir de 2009

A Comissão Européia considerou possível nesta quarta-feira que a Sérvia obtenha o estatuto de candidata à União Européia (UE) em 2009, uma forma de incentivá-la a redobrar seus esforços para capturar o general Ratko Mladic, indiciado por genocídio na guerra da Bósnia (1992-1995).

AFP |

"Acho que, se tudo ocorrer como previsto, se todas as condições forem cumpridas, será possível conceder o estatuto de candidato no próximo ano", anunciou o presidente da Comissão Européia, José Manuel Durão Barroso, depois de um encontro com o presidente sérvio Boris Tadic.

Depois da prisão em julho passado de Radovan Karadzic, o ex-chefe político dos sérvios-bósnios indiciado pelo genocídio de 1995, a UE espera a captura de Mladic, acusado pelo mesmo delito por seu papel na guerra da Bósnia.

ylf/cn/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG