UE desaconselha viagens a áreas atingidas por gripe suína

Luxemburgo, 27 abr (EFE).- A comissária de Saúde da União Europeia (UE), Androulla Vassiliou, recomendou hoje evitar as viagens que não sejam necessárias às áreas afetadas pela gripe suína, e sugeriu que os viajantes procurem ajuda médica imediata se detectarem algum sintoma.

EFE |

Vassiliou deu essas declarações ao chegar ao Conselho de Assuntos Gerais e Relações Exteriores, no qual informará aos países da UE sobre a situação no bloco, assim como em uma declaração institucional distribuída à imprensa em Bruxelas.

"Recomendamos não realizar viagens não essenciais às áreas que estão no centro do foco, para minimizar os riscos pessoais e reduzir o risco potencial de extensão da doença", disse Vassiliou, em nome da Comissão Europeia (órgão executivo da UE).

A comissária afirmou que a Comissão Europeia está em contato com os países-membros, a Organização Mundial da Saúde (OMS), assim como as delegações no México, EUA e Canadá, principais áreas afetadas.

Segundo ela, a Comissão Europeia "respondeu rapidamente à ameaça para a saúde pública, assim que a situação foi identificada e comunicada pela OMS, desde sexta-feira".

Está sendo utilizada a experiência de outras crises, como a gripe aviária, para a troca de informação, acrescentou.

"Este vírus gera especial preocupação, porque pode representar um desafio global, devido às viagens internacionais, e por isso devemos ser especialmente prudentes ao avaliar a situação, para entender com precisão o mecanismo de transmissão, avaliar o potencial risco aos cidadãos e a resposta para tratar os pacientes, como vacinas e antivirais", disse.

Os especialistas da CE estão trabalhando com os dos países-membros e a OMS para esclarecer estes pontos, "compartilhando informação de maneira transparente e constante", disse.

Acrescentou que os mecanismos de coordenação estão funcionando, e que manterão os cidadãos e a imprensa regularmente informados sobre a evolução da doença. EFE met-epn/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG