UE confirma retirada russa de regiões georgianas

Bruxelas, 10 out (EFE) - A missão de observadores da União Européia (EUMM, em inglês) na Geórgia confirmou hoje a retirada das tropas russas das zonas adjacentes à Abkházia e à Ossétia do Sul, em cumprimento ao compromisso firmado com o presidente francês, Nicolas Sarkozy, em 8 de setembro.

EFE |

O alto representante para Política Externa e Segurança Comum da UE, Javier Solana, informou em comunicado que o Exército russo desmantelou doze postos de controle e uma base militar na zona adjacente à Abkházia e um posto de comunicações adjacente à Ossétia do Sul.

"Estou feliz em anunciar que as patrulhas européias confirmaram a retirada planejada, o que, esperamos, permitirá aos deslocados internos voltar a seus lares e ajudará a normalizar as condições de vida nestas áreas", assegurou Solana.

Ele destacou que a presença de observadores europeus reduzirá as tensões e ajudará a reforçar a segurança e o respeito à lei. EFE met/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG