UE condena campanha de atentados e reitera solidariedade à Argélia

Paris, 20 ago (EFE).- A União Européia (UE) condenou a campanha de atentados na Argélia, após os dois ataques com carro-bomba cometidos hoje em Bouira, e reiterou seu apoio e solidariedade ao povo e Governo argelinos em sua luta contra o terrorismo.

EFE |

Pelo menos 11 pessoas morreram e 31 ficaram feridas em diferentes atentados hoje contra um quartel do Exército e um hotel na cidade de Bouira, um dia depois do ataque suicida que deixou 43 mortos e 45 feridos na terça-feira em uma escola superior militar em Les Issers, na província de Boumerdès.

Em comunicado, a Presidência da União Européia - nas mãos da França esse semestre - manifestou suas condolências aos parentee amigos das vítimas.

A Presidência da UE também condenou "com a máxima firmeza os autores desta campanha de violência", e reafirmou "seu apoio e sua solidariedade ao povo e ao Governo argelinos em sua luta contra o terrorismo". EFE al/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG