UE avalia amanhã situação na Geórgia e necessidade de ajuda humanitária

Bruxelas, 12 ago (EFE).- Os ministros de Assuntos Exteriores da União Européia (UE) se reunirão amanhã, em um encontro extraordinário, para analisar a situação na Geórgia, os resultados da mediação com a Rússia e a ajuda humanitária necessária para atender às vítimas do conflito.

EFE |

No final de semana passado, os 27 Estados-membros do bloco já tinham sido convocados pela presidência da UE, atualmente a cargo da França, para definir a posição do grupo frente ao aumento das hostilidades na Geórgia.

Diante do anúncio de Tbilisi e Moscou sobre o fim dos ataques, a França decidiu alterar a pauta e manter a reunião, que também contará com a participação do alto representante de Política Externa e Segurança Comum da UE, Javier Solana.

No encontro, o ministro de Assuntos Exteriores francês, Bernard Kouchner, falará de suas gestões e das do presidente da França, Nicolas Sarkozy, para conseguir o fim dos confrontos armados.

Mas, devido à fragilidade da atual situação, a reunião ministerial de amanhã não terminará com conclusões formais. EFE epn/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG