vigiará suas relações com a Rússia, segundo rascunho da declaração - Mundo - iG" /

UE vigiará suas relações com a Rússia, segundo rascunho da declaração

A UE vigiará suas relações com a Rússia e não descarta tomar decisões sobre o futuro desses laços, indicou um projeto de declaração final preparado pela presidência francesa para a reunião de cúpula desta segunda-feira, em Bruxelas, sobre o conflito na Geórgia.

AFP |

"Esperamos da Rússia um comportamento responsável, fiel ao conjunto de seus compromissos. A União permanecerá vigilante", diz esta declaração que é estudada.

"A UE examinará cuidadosamente e em profundidade a situação e as diferentes dimensões da relação UE-Rússia", afirma o texto.

No início da reunião, o primeiro-ministro britânico, Gordon Brown, pediu a suspensão das negociações de cooperação entre a União Européia (UE) e a Rússia, em resposta à intervenção de Moscou na Geórgia, informou o porta-voz do governo britânico.

"À espera das conclusões da reavaliação fundamental das relações entre a UE e a Rússia, devemos suspender as negociações (...) de cooperação entre a UE e a Rússia", declarou o porta-voz do premier britânico.

Brown pediu à UE a suspensão das negociações com Moscou durante a reunião de crise que o bloco celebrará nesta segunda-feira em Bruxelas, para definir uma resposta à Rússia pela crise no Cáucaso.

O premier britânico já havia afirmado que esperava uma revisão "radical" das relações do bloco com a Rússia.

A chanceler alemã, Angela Merkel, por sua vez, afirmou que o bloco não deve romper o diálogo e sim "falar claramente" com a Rússia sobre a violação da integridade territorial da Geórgia.

Na declaração final está previsto que os líderes da União Européia aprovem a criação de uma missão de observadores do cessar-fogo na Geórgia, com a esperança de que seja enviada ao local antes de meados de outubro, anunciou o chefe da diplomacia européia, Javier Solana.

"Já contamos com uma missão de exploração no local, com 40 pessoas, e gostaríamos de enviar uma nova em breve. Espero que até o próximo Conselho Europeu, em meados de outubro, já tenham sido adotadas todas as decisões e a missão enviada", disse o Alto Representante para a Política Externa da UE.

A missão, paralela à da Organização para a Cooperação e Segurança na Europa (OSCE), terá "várias fases", segundo o espanhol.


Mapa da Geórgia


Lei também:

Leia mais sobre conflito no Cáucaso

    Leia tudo sobre: georgiageórgiarússia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG