UE anuncia R$ 7,4 milhões para ajudar Chile

Bruxelas, 27 fev (EFE).- O presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, afirmou hoje que o órgão executivo da União Europeia (UE) está disposto a enviar pelo menos 3 milhões de euros (R$ 7,4 milhões) ao Chile, abalado por um forte terremoto nesta madrugada.

EFE |

"Estou profundamente consternado com o alcance da devastação causada pelo terrível terremoto no Chile. Meu pensamento e meus mais sentidos pêsames se dirigem no momento aos familiares das vítimas dessa terrível tragédia", assinalou Barroso em comunicado.

O presidente do executivo do bloco disse que a Europa está disposta a "fazer tudo o que for necessário para ajudar as autoridades chilenas".

O Governo chileno estima que pelo menos 82 pessoas morreram no terremoto, enquanto o presidente eleito, Sebastián Piñera, fala em 122 vítimas. O sismo foi sentido em alguns bairros de São Paulo e teve 8,8 graus de magnitude na escala Richter, segundo o Instituto Geológico dos Estados Unidos (USGS). EFE mvs/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG