UE abre fronteiras internas a pessoas com visto de longa duração

Bruxelas, 22 mar (EFE).- Os ministros de Assuntos Exteriores da União Europeia (UE) aprovaram hoje um novo regulamento que permite que estrangeiros com visto de longa duração em um dos Estados-membros viagem para outros países da chamada área Schengen.

EFE |

A decisão iguala a situação dos portadores de visto de mais de três meses à de estrangeiros com permissão de residência no que se refere à se movimentar pela Europa.

Até agora, uma pessoa de fora da UE com visto de longa duração em um país europeu não podia se deslocar a outros Estados-membros durante sua estadia, nem mesmo transitar por eles para voltar para o lugar de origem.

Assim, por exemplo, um marroquino com visto desse tipo na França poderia voltar para seu país pela estrada passando pela Espanha, quando antes só podia fazê-lo com um voo direto da França, onde tinha visto.

Com a nova legislação, as pessoas com vistos para mais de três meses expedidos por um país da UE poderão se deslocar a outros por um período máximo de três meses a cada semestre.

A área Schengen compreende a maioria dos países da UE mais Suíça, Noruega e Islândia.

Os ministros destacaram que as novas condições de circulação não apresentarão nenhum risco em termos de segurança.

Além disso, todos os vistos que permitam uma estadia superior a um ano terão que ser trocados por permissões de residente.

O regulamento já tinha recebido no início do mês sinal verde do Parlamento Europeu, onde foi aprovado por grande maioria. A medida entrará em vigor a partir de 5 de abril. EFE mvs/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG