Ucrânia acusa Rússia de ter complexos imperialistas

A Ucrânia acusou nesta quarta-feira a Rússia de ter complexos imperialistas, após as declarações do presidente russo Dmitri Medvedev que acusam os governantes ucranianos de atitudes antirrussas.

AFP |

"Infelizmente, a jovem direção russa é refém de antigos complexos imperialistas que a levam a apreciar a imagem de um inimigo externo ou a substituir o diálogo de igual para igual por uma linguagem de ofensas e ameaças", afirmou a chefe de gabinete da presidência ucraniana, Vira Uliachenko.

Medvedev anunciou na terça-feira o adiamento por tempo indeterminado do envio de um novo embaixador russo a Kiev em consequência da "evolução antirrussa atual dos dirigentes ucranianos".

O presidente russo acusou Kiev de vender armas a Geórgia (país do Cáucaso com o qual Moscou manteve uma guerra ano passado), de querer aderie à Otan e de ter iniciado negociações energéticas unilaterais com a União Europeia.

"As afirmações de Medvedev provocam indignação e inquietação sobre a tática e a estratégia das autoridades russas", afirmou Uliachenko.

bur-neo/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG