dezenas já morreram em invasão terrestre - Mundo - iG" /

TV israelense diz que dezenas já morreram em invasão terrestre

Jerusalém - Dezenas de milicianos palestinos teriam morrido nos primeiros confrontos com soldados israelenses após o início da invasão de Gaza neste sábado, há pouco mais de duas horas, pelo Exército de Israel, informou em Jerusalém a emissora de TV local Canal II.

EFE |

A cadeia cita "fontes militares", embora a informação não tenha sido confirmada por porta-vozes oficiais do Exército.

Segundo as Forças Armadas de Israel, esta é a segunda fase da operação "Chumbo Fundido", iniciada há oito dias e na qual até agora se empregavam a Força Aérea e a Marinha.

O objetivo, segundo a nota militar israelense, é "dar um duro golpe no Hamas" e reduzir o número de ataques da Faixa de Gaza contra o território de Israel.

O propósito da operação é "dar um duro golpe no Hamas" e reduzir o número de ataques da Faixa contra o território israelense, diz o Exército de Israel.

A nota do exercito assinala que "os residentes de Gaza não são o objetivo da operação. Aqueles que usam os civis, os idosos, as mulheres e as crianças como escudos humanos são responsáveis de todos os danos à população civil".

A nota adverte, no entanto, que "qualquer que esconder armas ou um terrorista em sua casa será considerado um terrorista".

A invasão acontece depois de o Exército de Israel usar pela primeira vez hoje fogo de artilharia do solo na ofensiva que iniciou há oito dias na faixa e na qual até então só utilizava força aérea e marítima.

Centenas de tanques e veículos blindados, assim como pelo menos 10 mil soldados, cercavam desde segunda-feira a Faixa de Gaza à espera da ordem do comando de invadir esse território palestino, de 40 quilômetros de comprimento por 15 de largura, com 1,5 milhão de habitantes.

Até agora, além de 466 mortos se contabilizam mais de 3 mil feridos na Faixa de Gaza.

    Leia tudo sobre: gaza

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG